Porto Alegre, 15 de dezembro de 2018

Cursos

Grupo "Zaratustra de Nietzsche": sobre o que falava e o que nos diz hoje?

O QUE?
Segundo o próprio Nietzsche, em Ecce Homo, a concepção principal do livro “Assim falou Zaratustra - um livro para todos e para ninguém”, é o eterno retorno.
O pensamento do eterno retorno é a condição para a superação do niilismo, ou seja, deixar de negar a vida (é o “não” do leão e a transvaloração dos valores que querem o nada) e passar a afirmar a vida (abandonar o ressentimento, a culpa e a busca do ideal) tal como ela é (amor fati: dizendo sim!) abrindo espaço para o espírito se transformar em criança.
No prólogo, aos 30 anos de idade, Zaratustra vai para a caverna e vive de modo solitário durante 10 anos. Então, num belo dia, ele se dirige ao sol dizendo estar farto da sua própria sabedoria (acumulada nesses dez anos)... e que deseja, então,  mãos que recebam essa sabedoria... Ao longo dessa narrativa, através de discursos selecionados de Zaratustra, vamos ver que Nietzsche se dirige a discípulos que sejam parceiros e se tornem criadores e afirmadores da potência da vida: leões risonhos... para fazer a estrela dançar, brilhar! Lançar a flecha para o outro lado da margem; abrir caminho para o super-homem!
QUANDO?
De 15 de maio a 28 de agosto, terças-feiras, das 19h30 às 21h30. 16 encontros. 40 horas.
ONDE?
Avenida Oswaldo Aranha 734/307, quase esquina com a Rua Santo Antônio.
COMO?
Comentários dos discursos selecionados; leitura dos discursos e associação com outras obras de Nietzsche e Deleuze & Guattari. Não é preciso ter conhecimento prévio dos autores citados.
QUANTO?
À vista: R$ 1.577,00 (Um Mil e Quinhentos e Setenta e Sete Reais).
5 parcelas de R$ 353,00 (Trezentos e Cinquenta e Três Reais).
Os valores serão líquidos dos impostos de ISSQN, PIS, COFINS e CONT. SOCIAL (13,93 %), caso seja fornecida nota fiscal de serviços.
CERTIFICADOS:
40 Horas. Receberá certificado o aluno que comparecer a no mínimo 75% dos encontros.
INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES:
c.ricardo.k@gmail.com com Cesar e 999 627050 (Claro).
“Ai de nós! Aproxima-se o tempo em que o homem já não lança a flecha de seu anseio por cima do homem, e em que a corda do seu arco desaprendeu de vibrar!
 “Eu vos digo: é preciso ter ainda o caos dentro de si, para poder dar à luz uma estrela dançante. Eu vos digo, tendes ainda o caos dentro de vós. Ai de nós! Aproxima-se o tempo em que o homem já não dará à luz nenhuma estrela. Ai de nós! Aproxima-se o tempo do homem mais desprezível, que já não sabe desprezar a si mesmo”
.
Copyright © 2004